30 de ago de 2010

Maiores escandalos no mundo dos games.

Foi dvulgado uma matéria no site "msn-jogos" abordando "os dez maiores escândalos da história dos games". Subornos, acusações, denúncias, disputas judiciais; tudo começa com sonhos e ideologias mas acaba nos tribunais, ou no ouvido de investidores e especuladores. Apesar de parecer se tratar de um texto sobre “lavação de roupa suja” na política, fala sobre alguns dos maiores escândalos e controvérsias da história dos games.

Achei interessante e resolvir postar aqui no blog os escandalos em jogos que envolvem o Playstation 2, na lista dos 10, 2 jogos envolvem o console da geração passada, vejam os jogos abaixo:




-- Driv3rgate -- Resultados: Perda de credibilidade de duas grandes publicações no Reino Unido - 2004
De todos os fracassos da série “Driver” – e eles são muitos – provavelmente nenhum se aproximou da decepção que imprensa especializada e público tiveram ao colocar suas mãos em “Driver 3”. A frágil mecânica, que prejudicava o bom andamento do game nas horas que Tanner estava com os pés no chão, foi o grande chamariz de 2004.

Notas medíocres ditaram as avaliações das publicações, exceto nas Playstation Magazine e Official XBox Magazine inglesas, nas quais o game recebeu a nota 9 (de 0 a 10). A disparidade levantou suspeita sobre a idoneidade das revistas. Entre os leitores, o caso ficou conhecido como “Driv3rgate”, em referência aos escândalos do Watergate, na Casa Branca (EUA).



-- Hot Coffee -- Resultado: Conselhos de classificação protestaram e a Rockstar eliminou o MOD das novas prensagens - 2005

Mais sexo, e dessa vez com gráficos modernos e bem polidos! Não é segredo para ninguém que a Rockstar Games é uma empresa polêmica. É difícil definir se essa fama é proposital ou apenas genialidade de seus funcionários, mas é fato que suas controvérsias sempre geram muita polêmica e manchetes de jornais. Com sua série mais popular, “Grand Theft Auto”, a coisa não é diferente. Mas em “GTA San Andreas” discutiu-se muito se os limites não foram ultrapassados.

No game, um bom passeio com a namorada poderia resultar em relações sexuais na casa dela após entrar para tomar um “café”, algo que não aparecia explicitamente. Porém, um polêmico MOD chamado “Hot Coffee” liberava as cenas jogáveis de sexo explícito. A Rockstar foi processada, duramente criticada e muitas lojas deixaram de comercializar o game, o que não impediu muito de torná-lo extremamente popular. Apesar da polêmica, “GTA San Andreas” tem qualidade e a solução encontrada foi lançar uma nova prensagem do game em 2005, sem a presença do MOD.
.
Esses são os escandalos que estão presentes na matéria, e você, conhece outro escandalo de jogos envolvendo o nome PS2.?
.

Um comentário:

Todos os Comentários são lidos e moderados previamente.
São Publicados aqueles que respeitam as Regras Abaixo:

- Não faça propaganda de outros blog/sites;
- Use o OpenID ou Nome/URL caso não seja seguidor;
- Não inclua links desnecessários no seu comentário;
- Seu comentário é nossa inspiração!
- Não respondemos comentarios 'anônimos' sem identificação nenhuma.
- Obrigado pelo Apoio ;D